Prefeitura de Gurupi

Gurupi entrega repelentes para gestantes de baixa renda se protegerem do Aedes aegypti

11/04/2017 Lino Vargas/Secom Gurupi

A Prefeitura de Gurupi, por meio da Secretaria da Saúde, começou a entregar repelentes para 334 gestantes cadastradas no Programa Bolsa Família. O objetivo é protegê-las do mosquito do Zika vírus e da dengue, Aedes Aegypti.


Além do cadastro no Bolsa Família, a grávida deve estar com o pré-natal de forma adequada e ter todo o acompanhamento exigido pelo programa. As gestantes do Bolsa Família estão sendo priorizadas devido ao programa ter como critério principal a situação de vulnerabilidade socioeconômica das famílias cadastradas.  


Proteção


A Coordenadora da Sala Municipal de Enfrentamento à Microcefalia, Danyella Araújo, explicou que a entrega é uma estratégia de prevenção da ocorrência de Zika Vírus em mulheres gestantes, reduzindo o risco do nascimento de bebês com anomalias congênitas como microcefalia. “O foco é prevenir nossas gestantes contra dengue, zika e chikungunya, visando uma saúde de qualidade, lembrando que são para gestantes de baixa renda”, afirmou.




A distribuição gratuita é comemorada pelas gestantes. Valdirene Batista disse que é a ação é de extrema importância. “Nós já sabemos do risco, mas muitas vezes não nos atentamos para comprar um repelente. Se a mulher contrai esse vírus afeta a criança. Essa distribuição de forma gratuita e consciente vai fazer uma diferença muito grande”, destacou. 


Representando o Prefeito Laurez Moreira, o Presidente do GurupiPrev/Ipasgu, Gutierres Torquato ressaltou que a gestão da saúde em Gurupi prioriza o cuidado com o ser humano. "Nós temos os menores índices de dengue e zika no Estado e vamos continuar melhorando. Os repelentes terão um impacto positivo na vida dessas mães", explicou.