Prefeitura de Gurupi

Gurupi cresce 184,6% e alcança 286ª posição no Ranking de Exportações do Brasil

10/04/2019 Divulgação/Secom Gurupi

Gurupi tem se tornado destaque quando o assunto é desenvolvimento econômico, melhoria da infraestrutura e efetividade da gestão. Prova disso foi o desempenho do município no Ranking de Exportações do Brasil neste primeiro trimestre de 2019, no qual atingiu um crescimento de 184,6%, quando comparado ao mesmo período de 2018, alcançando a 286ª posição no ranking, conforme dados divulgados pela Secretaria de Comércio Exterior.

 

A Capital da Amizade atingiu o montante de US$ 25,87 milhões, no qual a soja representou 74%, seguido pelo milho, 10% e carnes de animais, 8,7%. Os principais países parceiros nas exportações de Gurupi foram a China, 60%, Espanha, 14%, Hong Kong, 7,4%, Egito, 6,2% e Irã, 5,7%.

 

Para o prefeito de Gurupi, Laurez Moreira, todos esses resultados positivos são consequência do trabalho que a gestão vem desempenhando. “É uma alegria ver Gurupi se destacando em diversas áreas. Nossa cidade está crescendo e atraindo investidores de várias partes do Brasil, e quem ganha com isso é a população com mais oportunidade de trabalho. É a prova de que estamos no caminho certo e vamos continuar trabalhando para que essas conquistas sejam constantes e cada vez maiores”, declarou.

 

Tocantins

No ranking dos estados do Brasil que mais exportam, o Tocantins ficou na 18ª posição e na 22ª dos estados que mais importam. A soja e carne de animais, neste primeiro trimestre sustentam o volume das exportações. A soja representou 56% do montante seguido pela carne bovina, 27%, representando no total US$ 125,16 milhões, com variação positiva de 19,26%, e com superávit de US$ 85,69 milhões no comparativo com as importações.

 

Crescimento

Outros dados recentes que comprovam o crescimento do município são: o ótimo desempenho na arrecadação do ICMS, em que obteve um crescimento de 30,2% de 2017 para 2018; e o salto que deu na última avaliação do Índice da Efetividade da Gestão Municipal nas áreas da Saúde, Ambiente e Cidade, com nota “A”, equivalente a uma gestão Altamente Efetiva, de acordo com os dados divulgados pelo Tribunal de Contas do Estado do Tocantins (TCE/TO).